A palmilha postural e a corrida

runCorrer é hoje, sem dúvida, uma explosão nacional. É cada vez mais comum encontrarmos corredores pelas ruas, sozinhos ou nos já conhecidos grupos de corrida. Paralelamente, cresce também nos consultórios de ortopedistas e fisioterapeutas o número de indivíduos com lesões, leves ou graves, decorrentes da prática.
Se tomarmos como o exemplo uma corrida de 5 km, e supondo que um passo tem aproximadamente 1 metro, isso significa que dizer que durante esses 5 km o indivíduo dará cerca de 5.000 passos, ou seja, os pés irão tocar o chão 5.000 vezes (2.500 vezes cada um). Durante cada pisada, os pés terão que suportar a carga do nosso corpo. Imaginem o esforço que isto significa.
O ideal seria correr com os pés calçados por sapatos que tivessem o formato exato da planta de cada um dos pés, para maximizar o conforto quando estes pisam no chão, em cada passada. Mas é claro que esse tênis não existe. E é aqui mesmo que entram as palmilhas personalizadas.

PALMILHAS PERSONALIZADAS

Os pés influenciam diretamente na postura e podem ser causas de dor, lesões e baixo desempenho no esporte.  A pronação e a supinação, pés planos ou cavos e alterações biomecânicas devem ser avaliadas e corrigidas a fim de proporcionar maior conforto durante a prática, aprimorando o desempenho do atleta e , principalmente, evitando lesões.
Cada atleta tem a sua palmilha ideal, uma vez que são confeccionadas de acordo com as necessidades percebidas no momento da avaliação. As palmilhas específicas para a corrida possuem, além dos elementos de correção postural, um propulsor na região anterior e um elemento para absorver o  impacto.

PALMILHAS X TÊNIS SUPINADOS OU PRONADOS

È muito comum que os profissionais indiquem aos atletas a compra de um tênis específico para o esporte. Com o aumento de lesões decorrentes da pisada, começaram a surgir no mercado os tênis supinados e pronados. Os vendedores indicam, após teste na própria loja de calçados, um tênis específico para a pisada.
Neste momento vale ressaltar algumas coisas:
– Existem milhares de corredores com pés pronados e outros milhões com pés supinados. O tênis ideal é igual para todos esses, só por serem puramente pronados ou supinados. Dados apontam que 80% da população apresentam diferença entre os pés, ou seja, o tênis poderia ser perfeito para o pé direito, mas não tanto para o esquerdo.
– Tênis nenhum é capaz de corrigir a pisada. O tênis não tem capacidade para suportar um desabamento de arco plantar, por exemplo. Com o tempo de uso e de acordo com a intensidade da corrida,  o tênis cede e nada é suportado ou corrigido.
Desta maneira, fica indicado o uso das palmilhas corretivas, uma vez que muitas das lesões decorrem de alteração de base.  As palmilhas corretivas são feitas sob medida para cada tipo de pé e adaptadas dentro do tênis utilizado para atividade, suportando alterações mesmo durante o movimento.

AGENDE SUA AVALIAÇÃO!

 

Referências:

BRICOT, B. Posturologia clínica. Ed Ícone, 1999.
DAGNONI, A.T.; LINHARES, J.C.; PRZYSIEZNY, E.; PRZYSIEZNY, W.L. Análise estabilométrica da relação entre os desvios posturais e as lesões em atletas. Rev terapia manual fisioterapia manipulativa, v2, n1, p. 22-25, 2003.
MAFINSKI, M.; CORDEIRO, R.M.; A infuência da palmilha termomoldável na postura corporal. Trabalho de conclusão de curso – Universidade regional de Blumenau, 2005.
O’LEARY, K.; VORPAHL, K.A.; HEIDERSCHEIT, B. Effect of cushioned insoles on impact forces during running. Journal of the american podiatric medical association, v98, n1, p. 36-41, 2008.